Decretado Luto Oficial pelo falecimento do Apóstolo Doriel

doriel-de-oliveira-icb

O Governador do Distrito Federal Rodrigo Rollemberg decretou luto oficial de 3 dias pelo falecimento do ilustre fundador da Casa da Benção, o visionário Doriel de Oliveira.

Com um legado construído com muita fé e determinação, o Missionário Doriel de Oliveira deixou ovelhas pelo mundo, espalhadas em mais de três mil templos.  A Igreja Casa da Benção chegou no DF em 1970 na Cidade de Taguatinga-DF. Pioneiro de Brasília, Apóstolo Doriel sempre teve o peso de seu trabalho ser reconhecido na participação da construção do DF, e na consolidação do crescimento dos seguidores Evangélicos, que pregam a palavra de Jesus Cristo na Cidade. Sentiremos saudades eternas do grande homem de Deus resgatador de almas.

O corpo do conhecido líder evangélico estará na Catedral da Bênção em Taguatinga sul,  à partir das 15 horas de hoje. À noite haverá culto fúnebre e amanhã, 10h, ocorrerá o sepultamento no Cemitério Campo da Esperança no Plano Piloto.

 

Cris Oliveira

Alessandro Paiva e os emotions na política

alessandro-paiva

Para o Administrador e líder evangélico Alessandro Paiva a política não pode agradar a todos, e também não é uma condição de como está se sentindo o gestor público naquele momento. A política não pode ser tratada como emotions, com carinhas agradáveis ou desagradáveis dependendo do tipo de tratamento que o poder público dá. Não é questão de curtir ou não curtir. E nem deve continuar com o tráfico de influência e com o jeitinho. Há casos em que o próprio gestor dificulta a prestação do serviço público para depois apresentar a solução que cabe no bolso.

Somos todos contribuintes e temos que participar nesta nova fase política que vive o Brasil, com uma grande leva de políticos presos por corrupção e enriquecimento ilícito. Precisamos influênciar uma nova geração com vontade de levantar a futura plataforma política do Brasil. É um novo tempo na política e na gestão pública.

Cris Oliveira

NOTA OFICIAL

doriel-de-oliveira-m

É com grande pesar que comunico que hoje, aos 77 anos, nosso querido Apóstolo Doriel de Oliveira, fundador e presidente da Igreja Tabernáculo Evangélico de Jesus – Casa da Bênção, foi chamado pelo Senhor para os braços do Pai para descansar com Ele, para gozar das delícias que ele sempre pregou, que está preparado para os salvos.

Ele fundou a Casa da Bênção em 1964, tendo ganho milhares de almas para o Senhor, que só a eternidade poderá revelar o número exato de salvos através deste grande homem de Deus, um verdadeiro pai na fé!

De uma primeira igreja em Belo Horizonte-MG, na Praça Vaz de Melo, e se espalhando pelo Brasil e pelo mundo, hoje com mais de 3 mil igrejas, o Apóstolo Doriel demonstrou garra e determinação em seus objetivos. Junto comigo foi um homem visionário, determinado e de oração, que sempre sonhou com grandes ideais, destacando-se pelo crescimento na obra de Deus. As dificuldades enfrentadas ao longo destes anos de ministério foram inúmeras, mas em nenhum momento Doriel olhou para trás. Seguia em frente com fé e coragem.

Em 1989, afirmei em uma entrevista: “Foi Deus quem nos uniu com um grande propósito. Fico contente em ter estado ao lado deste grande homem em todos os momentos de sua vida, e mais contente ainda, por ter colaborado para o crescimento gigantesco que esta obra alcançou ao longo destes anos”.

E hoje todos nós nos despedimos do nosso grande pai na fé, que nos ajudou em diversos momentos, que foi usado poderosamente na Terra, e temos a certeza de que nos encontraremos com ele, junto com o nosso Salvador.

– Missionária Ruth Brunelli de Oliveira

O Apóstolo Doriel de Oliveira deixa esposa, Ruth Brunelli de Oliveira, com quem esteve casado por 56 anos; seus filhos Rubens César Brunelli Júnior, Lílian Brunelli Figueredo e Samuel Wesley de Oliveira; sua nora Juliana Esteves e genro Pastor Jeremias Figueredo; seus netos Sthefany Figueredo, Allex Doriel, Joshua Guilherme, Samuel Brunelli, Ester Oliveira e Daniel Oliveira e sobrinhos netos Raphael Oliveira e Camila Oliveira.

“Combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé. Desde agora, a coroa da justiça me está guardada, a qual o Senhor, justo juiz, me dará naquele dia; e não somente a mim, mas também a todos os que amarem a sua vinda.” 2Timóteo 4:7-8

—————————————————————————
Informamos que o culto fúnebre será na próxima quarta-feira, dia 23 de novembro, no período da tarde, na Catedral da Bênção e o sepultamento na quinta-feira, dia 24 de novembro às 10h no cemitério Campo da Esperança Plano Piloto – DF.
—————————————————————————

Sala de Vidro, com Eldo Gomes, no Shopping Pier 21, receberá Políticos do DF, ao Vivo

Com entrada gratuita, Pier 21 receberá Políticos, Empreendedores, artistas, youtubers, jornalistas, publicitários e startups, no projeto Multiplicidade Fora da Caixa

eldo-gomes-04-1


Durante 9 dias, mais 90h, com entrada gratuita, o Shopping Pier 21 receberá o projeto “
Multiplicidade Fora da Caixa”, que promove o diálogo entre pessoas que pensam além do obvio e querem sair da caixa. Empreendedores, startups, microempresários, comunicadores, estudantes, youtubers, artistas e o público em geral. A apresentação é do jornalista multimídia e youtuber, Eldo Gomes. O evento será do dia 9 ao dia 12 de dezembro, das 12h às 22h.

O Espaço Multiplicidade de Coworking, que fica na 702/702 norte, em Brasília/DF, decidiu colocar o bonde na rua e levar a ideia de – ambiente colaborativo – para dentro do Shopping Pier 21, com apoio do mall, oferecendo vários serviços gratuitos e até consultoria empresarial para quem quer abrir um negócio, melhorar, trocar ideias, busca inspiração ou apenas quer tomar um café e trocar contatos.

Na programação, a “Sala de Vidro” do projeto “Multiplicidade Fora da Caixa” terá:

– Conversa Empreendedora (Papo e consultoria com consultores do Espaço Multiplicidade)
– Multiplicando contatos ( Local para deixar cartões de empreendedores)
– Coworking Space (Ambiente de trabalho compartilhado do Multiplicidade nas ruas)
– Sala dos Youtubers (Espaço para interação dos youtubers de Brasília e região).
– Café suspenso (onde você pode tomar ou deixar um café para um amigo).
– Coleção de Tshirts do Multiplicidade (camisetas para gente de mente aberta e empreendedora).
– Webinário (Palestras gratuitas ao vivo e transmitidas em tempo real no facebook).

Todos nós precisamos de oxigênio criativo. Quando surgiu a oportunidade de levar o coworking para o shopping, não pensei duas vezes e já imaginei a troca cultural que uma ação deste proporciona. Muita gente tem boas ideias, mas às vezes falta motivação e inspiração para tirar do papel. Nada como conhecer outros empreendedores e trocar contatos”, conta a diretora de negócios do Espaço Multiplicidade de Coworking, Cristiane Pereira.

[ Sala de Vidro ] #ImersãoDeYoutubers

Quer participar?
Envie seu porfólio, contatos, release, etc, para: novasmidiasbrasilia@gmail.com e aguarde contato – a produção fica por conta do ator brasiliense Nobu Kahi e às apresentações do jornalista multimídia e youtuber, Eldo Gomes.

[ Mais sobre Eldo Gomes ]

Eldo Gomes é especializado em Jornalismo Digital e Multimídia há 10 anos. Jornalista com experiência em Rádio e TV. Apresentou por 02 anos o programa Acontece Brasília ao vivo na Rádio Federal. É youtuber criativo e apresentador do Encontro de Youtubers, que fez turnê em Goiânia, Rio de Janeiro e no DF.

Serviço:

Multiplicidade Fora da Caixa
Debates, Palestras, Webinários, Consultorias e Network
Local: Shopping Pier 21 Brasília – Sala de Vidro
*Ficará em frente a calçada da fama do shopping
Endereço: St. de Clubes Esportivos Sul Trecho 2 Lote 32 – Asa Sul
Horário: 12h às 22h
Entrada: Gratuita
Página Oficial: https://www.facebook.com/espacomultiplicidade/
Site: http://eldogomes.com.br/foradacaixa/

INTOLERÂNCIA RELIGIOSA

leila-bijos

Ao abordarmos o processo de construção histórica dos direitos humanos refletimos sobre uma construção axiológica, de processos que se abrem numa luta pela dignidade humana.  Analisando-se os direitos humanos de uma perspectiva geral, verifica-se que eles não podem se dissociar da proteção dos valores básicos, tais como: a vida humana, a dignidade, a liberdade, igualdade e propriedade. Os valores sublinhados são comuns e protegidos pela maioria das culturas e religiões, portanto, não se pode aceitar a intolerância religiosa. Verifica-se, para espanto de todos, uma conflituosa e fragmentada divisão entre amor e ódio, aceitação e rejeição. Divisão que pode parecer avassaladora e insolúvel fruto de muitas forças desumanizadoras no mundo.

Forças essas que priorizam sistemas, tecnologias e dinheiro acima do bem-estar humano resvalando para a demonização quando indivíduos se tornam violentos como forma de lidar com o conflito. É importante ressaltar que “a desumanização está enraizada em um fato lamentável da existência humana: enquanto seres humanos são criaturas interdependentes que precisam uns dos outros para sobreviver, os seres humanos também são seu pior inimigo natural. Estamos nos distanciando do nosso próximo, e formando apenas estreitas ligações com aqueles em quem confiamos. Desconfiamos de estranhos, e essa desconfiança pode se transformar em desumanização.

Vivemos períodos de estresse, ansiedade e medo. A mídia tem utilizado de fatos extremamente negativos para entrar na vida dos cidadãos, principalmente na sala de estar onde a família se reúne para assistir televisão. São espetáculos de horror que ora sinalizam a barbárie, ora nos colocam nas vésperas ou antevésperas de uma guerra civil, produzindo um deslocamento nos conteúdos do imaginário social, pelo qual o mito do “homem cordial” vai cedendo espaço à “lei do mais forte” e aos imperativos do “salve-se quem puder e como puder”.

É um mundo moderno frágil, dotado de incertezas onde são precários os limites e fronteiras entre o conhecido e o desconhecido, entre a ordem e a desordem, entre o racional e o irracional. A violência grassa as praças, as escolas, os campos de futebol, os salões de baile, e a vida familiar de cada cidadão. Existe uma tendência negativa na natureza humana que tem sido explorada não só por aqueles que desejam incitar seus grupos contra supostos inimigos, como também por aqueles que desejam dividir grupos uns contra os outros. A intolerância religiosa é inconcebível na nossa sociedade, onde os ritos se mesclam num colorido multicultural com avenidas abertas para novas amizades.

 

Leila Bijos

 

Denúncia de agressão registrada contra policiais legislativos do DF

policia-legislativa

Um conselheiro tutelar registrou ontem boletim de ocorrência na 5ª Delegacia de Polícia com a alegação de ter sido agredido por policiais legislativos da Câmara Distrital. A confusão ocorreu na noite da última segunda-feira, quando estudantes ocuparam o plenário da Casa. O servidor tentou entrar no local para prestar assistência aos adolescentes presentes na ocupação, mas foi barrado pela segurança da Câmara Legislativa. Com base no Estatuto da Criança e do Adolescente, o conselheiro tutelar deu voz de prisão aos policiais legislativos, mas a PM se recusou a levá-los. A vítima afirma ter sido alvo de um golpe mata-leão, pouco antes de ser expulso do prédio. “Eu estava entrando no meu carro, já em via pública, quando me jogaram no chão para me algemar. Questionei por que estava sendo preso e eles desistiram de me deter. Mas por conta da truculência, fiquei com arranhões no rosto e nos braços”, afirma o conselheiro.

Fonte: Blog CB

Deputados Federais e suas oposições de mentirinha

pinochio

Se tem algo que o legislativo do Distrito Federal sabe fazer é encenar. O mundo das maravilhas e pérolas políticas é um grande teatro, principalmente quando o assunto é ser oposição ao Governo.

No DF, se tornou rotina Deputados Federais usarem a tribuna da Câmara dos Deputados para fazer sua “oposição” com cenas teatrais promovidas depois por vídeos que ganham seus links nas redes sociais. O que o povo e o próprio governador não sabe é que tais deputados têm uma elevada abertura no Governo Rollemberg, principalmente no segundo escalão do governo, colocando seus apadrinhados e até mesmo determinando o crescimento de sua linha política dentro de um governo que ele grita ser oposição.

Alguns têm a coragem de usar seus mentores alojados em administrações para pregar a cena que realiza como grande artista na tribuna.

Será que existe oposição como antes? Neste caso nem gritando “Glórias”!!!

Política no DF é CIRCO!

 

Cris Oliveira

 

Prêmio Governador Enrique Tomás Cresto

enrique-tomas-cresto

Recebi nesta sexta-feira dia 04, no Salão Azul do Senado da Câmara de Senadores da Nação de Buenos Aires, o Prêmio Governador Enrique Tomás Cresto, entregue há 15 anos pelo Senado em parceria com a FAM- Federação Latino Americana de Cidades, Municípios e Associação de Governos locais e Associação Shalom.

 brasileiras

A convite da Presidente do Mashav Brasil (Assossiação dos Ex-bolsistas do Estado de Israel-Brasília\Brasil), Sra. ALESSANDRA SILVA, participei também do Fórum da Federação Argentina de Municípios em Buenos Aires. O fórum teve como objetivo a troca de projetos e de conhecimento em políticas públicas, com a presença de personalidades políticas dos Países do Mercosul. Representando Brasília, esteve presente e apresentando seus projetos, a Sr.ª Márcia Rollemberg, 1ª Dama de Brasília, que chamou atenção dos participantes ao apresentar o Portal Brasília Cidadã, que tem como objetivo recrutar voluntários para execução de projetos sociais, interagindo com vários segmentos da sociedade. O Portal já tem mais de 5 mil voluntários inscritos. 

mercosul

 

A construção de vertentes do voluntariado vem mudando o mundo por meio de suas ações e de projetos que criam um Sistema de Integração e de Cooperação sem fronteiras, principalmente por meio das Redes Sociais, a ferramenta mais poderosa do momento. Foram premiadas 32 personalidades sendo 06 brasileiros (Paulo Roberto Martins de Carvalho – Primeiro Tenente da Polícia Militar do DF – Voluntário Mashav – Brasil. Leila Bijos – Ex bolsita Mashav – Brasil – Pesquisadora Internacional Cristiane de Oliveira Alves – Editora Chefe do Blog Mulheres Falando de Política e Assuntos do Oriente Médio e Voluntária Mashav. Lívia Vasco Mota – Assistente Social do Metrô – Voluntária Mashav Renan Souza – Ex Bolsita Mashav – Brasil – Jornalista do SBT – SP).

Agradeço a minha família, amigos e a Deus pela honra da oportunidade de viver este momento incrível com pessoas incríveis.

 

Cris Oliveira

Samambaia ganha praça com pista de skate e parque infantil

No local inaugurado neste sábado (5) pelo governador Rodrigo Rollemberg, também há quadra poliesportiva, ponto de encontro comunitário e mesas e bancos de concreto

MARIANA DAMACENO, DA AGÊNCIA BRASÍLIA

O terreno que há até pouco tempo servia como depósito ilegal de lixo em Samambaia transformou-se completamente após obra que durou cinco meses. A praça da Quadra 302 da região ganhou iluminação e calçada acessível, pista de skate, parque infantil, quadra poliesportiva, ponto de encontro comunitário e mesas e bancos de concreto.

praca-samambaia

Descerraram a placa de inauguração do espaço o deputado distrital Júlio Cesar (PRB); o administrador de Samambaia, Paulo Silva; o governador Rodrigo Rollemberg; o diretor-presidente da Novacap, Júlio Menegotto; e o secretário das Cidades, Marcos Dantas. Foto: Gabriel Jabur/Agência Brasília

William Costa, de 23 anos, mora perto da área e aprovou a novidade. Ele acredita que a revitalização aumentará a segurança e a limpeza no local. “Não tinha nada. Algumas pessoas jogavam lixo e outras usavam drogas aqui, onde só havia barro.”

O estudante foi uma das pessoas que participaram na manhã deste sábado (5) da cerimônia de inauguração da praça com o governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg. “É uma obra singela, mas que somada a outras trará qualidade de vida à comunidade”, disse, ao citar como exemplo terminais de ônibus e obras de infraestrutura que a região receberá em breve. Foram investidos R$ 877.230,50 na praça.

Praça atrai pessoas de outras localidades

Uma das atrações é a pista de skate construída na praça da Quadra 302 de Samambaia. Para José Wellington da Silva Reis, da Federação de Skate do Distrito Federal, o espaço reunirá pessoas de todo o DF. “A gente vem usar porque o local foi bem feito”, resumiu o morador do Gama, também presente na inauguração na manhã de hoje. A entidade, segundo ele, foi consultada durante todo o processo de construção.

 

Na praça também foi construída uma pista de skate.

Na praça também foi construída uma pista de skate. Foto: Gabriel Jabur/Agência Brasília

O estudante Igor Borges Vieira, de 21 anos, veio de Unaí (MG) para participar da abertura da pista. Ele fez questão de estar presente, pois tem uma relação de amor e gratidão com o skate. Ele descobriu um tumor no cérebro a tempo de curá-lo depois de uma queda quando praticava o esporte.

Após a inauguração da praça, o governador Rodrigo Rollemberg visitou alguns moradores para ouvir as principais necessidades da população de Samambaia.

 

EDIÇÃO: PAULA OLIVEIRA

Fonte: Agência Brasília

Da caça à cápsula: crianças no SESC aprendem a desidratar frutas

sesc

O SESC desenvolveu um novo método de ensino para as crianças fabricarem por conta própria a nova sensação do momento, as frutas desidratadas.

A Feira de Ciências e Tecnologia do SESC movimentou a vida dos alunos de 03 a 05 anos, que explicaram direitinho como se desidrata frutas. Conversei com Maria Cecília, de 05 anos, que me deu uma verdadeira aula, na prática, de como desidratar frutas.

A receita é a seguinte: as frutas são mergulhadas em um recipiente com limão e colocadas numa caixa perfurada para ventilação. E, então, colocadas ao sol. As frutas ficam sequinhas e deliciosas, destacaram as crianças. Que amam a aula prática.

Em outro estande da feira, crianças também aprendem e estudam a evolução dos alimentos para que cheguem no planeta marte. Tudo muito atual e moderno, elas aprenderam que, após desidratados, os alimentos duram em média seis meses. Outro aprendizado foi o reaproveitamento de frutas.

As professoras do SESC de Taguatinga Sul Márcia, Socorro, Kivia e Hermínia estão de parabéns pelo trabalho.

Cris Oliveira

 

Governador Rollemberg visita o CEPAI de Samambaia

rollemberg-cepai

O Governador Rodrigo Rollemberg (PSB) tem batido ponto em Samambaia nos últimos dias, após a tragédia provocada pela tempestade, que atingiu mais de mil casas, igrejas e escolas na Cidade.

Neste sábado dia 22, o governador foi recebido no CEPAI, que atende em média 200 crianças em Samambaia, mas que durante esses dias tem fornecido refeições para famílias atingidas pela tempestade.

Participaram da visita vários líderes da Cidade, segundo a coordenadora do CEPAI Maria da Guia e a Secretária de Segurança Márcia Alencar. O Secretário das Cidades Marcos Dantas tem acompanhado de perto o andamento da força tarefa do Governo de Brasília na recuperação da Cidade.

Cris Oliveira

 

Samambaia 27 anos: Chácara Canaã recebe pioneiros e políticos

canaa

Aconteceu neste domingo dia 23 na Chácara Canaã, o encontro dos pioneiros da cidade de Samambaia, que completou 27 anos neste mês. A cidade, mesmo se reerguendo após o segundo temporal da história, festejou a data comemorativa com figuras ilustres da vida política do DF.

A festa organizada pelos pioneiros Moraes, Selma Iolanda e Maria Geralda foi agradável e regada de sabores dos frutos do passado, plantados por muitos políticos e colhidos por alguns.

O ilustre idealizador da Cidade-mãe das RAs do DF, o ex-governador Joaquim Roriz, gravou um vídeo apresentado aos participantes do evento. Roriz se mostrou feliz por ter sido o visionário de Samambaia, que começou no Chafariz e hoje abriga a classe média nas casas e edifícios com área de lazer. Isso significa que a visão deu certo.

Muito feliz e paparicada pelos pioneiros da Cidade com muito carinho, a filha de Roriz, deputada Liliane (PTB), esteve na comemoração e lembrou com carinho das ações do seu pai. Liliane salva pela justiça dos seus processos, caminhava livre pela terra de Canaã, que foi usada para reunir em um só lugar políticos de vários partidos que compareceram no local.

O Governador Rodrigo Rollemberg (PSB) foi um dos homenageados pelos pioneiros da Cidade. Em discurso, Rollemberg citou que, como presente do Governo de Brasília, a cidade está recebendo a Casa de Cultura, a entrega de mais de 2 mil escrituras e outras benfeitorias em andamento na Cidade. O governador citou o excelente trabalho realizado através da equipe de força tarefa montada por ele, para colocar Samambaia em ordem novamente após a fatalidade do temporal.

Apareceram também no evento, os deputados federais Roney Nemmer,  Izalci Lucas, deputado distrital Júlio César, ex vice-governador de Agnelo, o então presidente do PMDB DF Tadeu Filippelli, a tucana Maria de Lurdes Abadia, Secretária de Segurança Pública Márcia Alencar e o Secretário das Cidades Marcos Dantas.

Samambaia na política é como Canaã, jorra leite e mel nas urnas.

Cris Oliveira

Audiência pública aponta avanços e desafios no combate à violência contra a mulher

silvia

Especialistas reconheceram, em audiência pública da Comissão Mista de Combate à Violência contra a mulher, nesta terça-feira (18), os avanços e desafios do governo no enfrentamento a esse tipo de violência. As representantes da Secretaria Especial de Políticas para Mulheres e do Ministério da Saúde ressaltaram que o governo vem ampliando a rede de atendimento para as mulheres vítimas de violência, mas ressaltaram que outras formas de violência foram surgindo com o tempo e ainda carecem de atenção, por exemplo, a violência cibernética e a obstétrica.

Silvia Rita Souza, representante da Secretaria Especial de Políticas para Mulheres, afirmou que a violência contra a mulher cresceu muito e citou dados do Mapa da Violência de 2015 que revelam que o Brasil ocupou o 5° lugar na lista dos países com maior taxa de assassinato de mulheres.

Silvia explicou que a Secretaria Especial de Políticas para Mulheres vem ampliando sua atuação e tem, como carro chefe no combate à violência contra a mulher, o programa Mulher Viver sem Violência. O programa foi lançado em 2013, com o de objetivo de integrar e ampliar os serviços públicos existentes voltados às mulheres vítimas de violência, mediante a articulação dos atendimentos especializados no âmbito da saúde, da Justiça, da segurança pública, da rede socioassistencial e da promoção da autonomia financeira.

De acordo com Silvia, o programa atua no combate à violência e na garantia de direitos da vítima e está estruturado em seis eixos: implementação da Casa da Mulher Brasileira; ampliação da Central de Atendimento à Mulher (Ligue 180);  organização e humanização do atendimento às vítimas de violência sexual; implantação e manutenção dos Centros de Atendimento às Mulheres nas regiões de fronteira seca,campanhas continuadas de conscientização e criação de Unidades Móveis para atendimento a mulheres vítimas de violência no campo.

Desafios

Silvia afirmou que as políticas públicas já implantadas visualizaram, entre outras, a violência doméstica, física, moral, sexual, psicológica, institucional e o tráfico de mulheres. Segundo ela, o grande desafio atual é também tratar outras formas de violência que foram surgindo como a violência cibernética, violência obstétrica, estupros coletivos, feminicídios e violência política.

– Outro desafio é enfrentar a violência contra as mulheres considerando as especificidades das mulheres: mulheres do campo, da floresta, indígenas, negras, refugiadas, mulheres com deficiência e as lésbicas – disse.

Além de tentar fortalecer o programa Mulher Viver sem Violência, Silvia Rita informou que a Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres lançará outro programa com foco nos outros dois eixos do pacto nacional para o enfrentamento à violência contra a mulher, que é a questão da prevenção e assistência.

– Nós trabalhamos no programa Mulher Viver sem Violência com combate e garantia de direitos. O novo programa vai trabalhar forte na prevenção e na assistência. A nossa proposta de trabalho para o ano que vem é essa – afirmou.

Saúde

Representando o Ministério da Saúde, Maria Esther Vilela destacou o papel da saúde no enfrentamento das situações de violência contra a mulher. Segundo ela, os serviços de saúde podem ser o primeiro lugar que uma mulher em situação de violência procura.

– Portanto, o SUS [Sistema Único de Saúde] tem um papel fundamental na violência contra a mulher. Muitas vezes a mulher procura o serviço de saúde com múltiplas queixas e uma das funções do SUS é a identificação das diversas situações de violência que a mulher pode estar sofrendo – explicou.

Além de atuar na identificação da violência, Maria Esther explicou que cabe ao serviço de saúde prestar atenção qualificada e humanizada às mulheres e encaminhá-las para os outros pontos de atenção.

Maria Esther ressaltou que o serviço de saúde também pode ser produtor da violência, por exemplo, com a violência obstétrica. Partos inadequados e violentos, cesáreas excessivas e desnecessárias são algumas das formas dessa violência.

– Precisamos atuar fortemente no ensino em obstetrícia nesse país – afirmou.

A representante do Ministério da Saúde também defendeu um Sistema Único de Saúde forte, com orçamento definido e sustentável, cada vez mais ampliado para que haja um aumento da rede de atenção dessas mulheres.

Maria Esther considerou um avanço a Lei 12.845/13, que dispõe sobre o atendimento obrigatório e integral de vítimas de violência sexual na rede SUS e também elogiou o Decreto 7958/13, que inclui a possibilidade de profissionais do SUS coletarem vestígios de violência sexual para servirem de provas contra o agressor.

– O decreto tem o acolhimento, atendimento humanizado integral com possibilidade de coletas de vestígios pelo serviço de saúde e um espaço de escuta qualificado com privacidade – ressaltou.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Proposta de aumento do Fundo Partidário para 3, 4 Bilhões é IMORAL

 

mamando

O Brasil está em crise financeira, mas a falta de ética e de moral nos surpreende. O aumento do Fundo Partidário proposto pelo nosso Deputado Federal Rogério Rosso (líder do PSD na Câmara dos Deputados) é completamente imoral, considerando a dificuldade financeira em que vive o Brasil e os Estados brasileiros.

A proposta de aumento de R$ 3,4 Bilhões para o Fundo Partidário foi levada à discussão em reunião dos partidos que debatem a reforma política. Rosso (PSD) acha que sem o financiamento privado para as campanhas políticas, será necessário que os partidos políticos recebam aumento do fundo partidário para cobrir as campanhas eleitorais no Brasil.

Novamente o brasileiro entra pelo cano com os recursos públicos, que já não nos atendem, principalmente no serviço público de Saúde, cada dia mais sem condições de atendimento ao usuário. As corrupções existentes antes nas barganhas dos financiamentos de campanha feitos pelas empresas deixam de existir para dar lugar à corrupção legalizada por leis que financiaram as campanhas dos partidos e de seus caciques, provavelmente reeleitos, como sempre pelo poder do dinheiro, mas neste caso dinheiro público.

Vários pontos negativos e imorais estão estampados no aumento do fundo partidário. Um deles é o fortalecimento dos presidentes de partidos. O fundo fortalece as executivas dos partidos, que quase sempre são compostas por membros da parentela do presidente, o que vai contra o que rege o Art. 4° da Lei n° 9.096\1995.  No DF os partidos são assim. Outro ponto negativo é que o dinheiro de financiamento de campanha nunca chega aos candidatos de primeira viagem.

Por vantagens assim que cresce no Brasil o número de legendas partidárias. O fundo partidário é repassado para os partidos de acordo com o número da bancada eleita na Câmara dos Deputados, ou pelo número de filiados, no caso dos partidos que não têm deputados eleitos. Ou seja, os grandes partidos são os que lucraram com o aumento do fundo partidário.

Presidente de Partido Político consegue regalias e vantagens quase que como um prêmio da Mega Sena. No novo cenário, além de eleger, teremos que custear as despesas irresponsáveis dos partidos políticos, pagando as eleições daqueles que nada fazem para mudar o rumo do Brasil em qualidade de vida para os eleitores.

A falência do sistema político não muda porque só os políticos podem mexer e na verdade não é conveniente aos mesmos.

Partidos Políticos dão cria no Brasil como coelhos. Quando vamos respirar a verdadeira reforma política que precisamos?

 

Cris Oliveira

 

 

Postos Comunitários de Segurança: recurso público jogado fora

posto-policial-queimado

Virou rotina no DF ver em manchetes, os postos policiais queimados e depredados. Há casos de PMs feridos e até suas armas roubadas por bandidos. Foi o que aconteceu em 2013 no DVO.

A população sofre com a falta dos postos que transmite uma  sensação de segurança. Segundo o Cel. Santana, Subcomandante da PMDF, os PCS foram criados também para abrigar outros poderes da área de segurança como o Corpo de Bombeiros e o DETRAN. Era o que previa o Programa Nacional de Segurança Cidadã, responsável pelo recurso financeiro dos Postos Comunitários, que logo em seguida deixaram de ser repassados.

O Distrito Federal tem hoje apenas 40% dos Postos Comunitários de Segurança ativos, e a tendência é que eles deixem de existir, já que a Política da PMDF hoje é colocar o Policial nas ruas do DF.

 

Cris Oliveira

DF terá novos parques no Altiplano, Gama e Sobradinho

Sociedade civil e governo vão atuar nas três regiões para articular a criação e revitalização dos parques

parques

(Brasília, 13/10/2016) – Três grupos de trabalhos com a participação de representantes do governo de Brasília e da sociedade civil irão articular as ações para implantar, revitalizar e gerir cinco parques no Altiplano Leste, Sobradinho e Gama. As portarias (páginas 26-27) da Secretaria do Meio Ambiente do Distrito Federal (Sema-DF) que instituem os GTs foram publicadas na terça-feira (11), no Diário Oficial do DF, e atendem demandas das comunidades dessas regiões.

 

Os grupos terão prazo de até 90 dias para identificar a forma de funcionamento mais adequada e a composição do colegiado, que se constituirá como um espaço de articulação técnica, política e de encaminhamento das ações. Os integrantes desempenharão suas atividades de maneira voluntária.

O chefe da Unidade Estratégica de Biodiversidade e Cerrado da Sema-DF, Leonel Graça Generoso, explicou que “os grupos de trabalho poderão constituir futuros conselhos, colegiados, que envolvam governo e sociedade civil, de acordo com as necessidades identificadas na evolução dos trabalhos”. Ele acrescentou que o próximo passo será o agendamento de reuniões para o início das atividades. Os grupos analisarão a necessidade de convidar outras instituições, públicas e privadas, para contribuírem com o objetivo estabelecido.

Demandas

 

A comunidade do Altiplano Leste solicitou a criação do Parque das Esculturas, cartão de visita do núcleo rural. Os moradores de Sobradinho se mobilizaram pelo parque Canela de Ema. O grupo de trabalho na região dará continuidade à recriação do parque e à articulação de uma administração conjunta de diversas áreas protegidas, que abrangem o córrego Sobradinho e seus afluentes, desde a cabeceira até o cruzamento em uma ponte na BR 020 (rodovia para Fortaleza).

No Gama, a comunidade quer criar os parques Prainha e Ponte Alta, além de revitalizar o parque Vivencial do Gama. A intenção é fazer isso em forma de gestão compartilhada com a sociedade.

Portarias

A portaria do Altiplano Leste estabelece que o comitê gestor será constituído por dois integrantes (titular e suplente) de cada um dos órgãos: Secretaria de Meio Ambiente (Sema-DF), Instituto Brasília Ambiental (Ibram), Terracap, Administração Regional do Paranoá, Associação dos Produtores Rurais do Altiplano Leste (Apralb), Associação dos Proprietários do Núcleo Rural Santa Luzia (ApromSanta), Associação dos Proprietários do Sítio das Oliveiras (Aprosol), Associação Ecovila Aldeia do Altiplano (Ecovila) e Autores do Projeto do Parque de Uso Múltiplo das Esculturas.

No Gama, o grupo de trabalho será composto pela Sema-DF, Ibram, Administração Regional do Gama, Instituto Federal de Brasília (campus Gama), Regional de Ensino do Gama e Gama Cidadão.

 

Em Sobradinho, além da Sema e Ibram, participarão as administrações regionais de Sobradinho e de Sobradinho II, Associação dos Amigos do Parque Canela de Ema e Associação SOS Ribeirão Sobradinho.

Não desceu redondo e tirou o fôlego

secregato

Pegou mal demais o evento do SAMU no parque de Águas Claras no fim de semana passado. O CRP DAY, que contou com a participação do Secretário de Saúde Humberto Fonseca, foi realizado com a participação de 30 funcionários.Eles terão direito a folga em dobro, e com certeza isso irá atrapalhar o fechamento da escala, segundo fontes. Perguntas surgiram na cabeça de alguns participantes que querem entender como o Secretário sabe proceder à ressuscitação humana, mas até hoje mantém a SECRETARIA NA UTI, SEM FOLEGO.

Virou MEME e viralizou a foto do conhecido SecreGato da Saúde.meme

 

 

Cris Oliveira

 

Estância Quintas da Alvorada sob nova direção

img-20160718-wa0104

O Condomínio Estância Quintas do Alvorada está sob nova direção. Eleita por unanimidade, a síndica Cristina Mattos começou seu trabalho neste novo momento que vive o Condomínio após 22 anos de muita luta de todos os moradores.

20160822_094945

A prioridade da nova diretoria eleita é a luta pela regularização do condomínio junto ao Governo de Brasília. Após a liminar que hoje segura o Condomínio em pé, a esperança voltou a reinar na terra do Estância. Cada agenda que a nova diretoria promove junto ao poder público, é recebida como uma conquista pelos moradores, já que o condomínio é constituído por trabalhadores que são pais de famílias e uma boa parte é servidor público, disse Cristina. Outra pauta importante desta nova equipe, composta por cinco membros, é a mudança do estatuto para o fim da reeleição.

20160828_164526

Com visão social e de sustentabilidade da área, o Condomínio colocará como um dos seus projetos a implantação da coleta seletiva e o uso adequado da água. Entre outros projetos, a nova diretoria se mostra preocupada com a preservação do meio ambiente, com a promoção da paz e com a recuperação dos condomínios, junto às famílias, em especial os jovens e as crianças, para superação do estresse sofrido com o risco de derrubadas pela Agefis.

Cris Oliveira

Reajustes, Redução de interstícios, Cursos e Saúde. De onde tirar dinheiro?

O governo do Distrito Federal está numa sinuca de bico. Sem recursos para cumprir as promessas de reajuste de 32 categorias, que já deveriam ter sido pagos em outubro do ano passado, agora a desculpa é outra: salários podem atrasar se esses reajustes forem concedidos.

Essas foram as palavras do secretário de Fazenda, João Antônio Fleury ontem à tarde (29) numa entrevista coletiva. O problema será conseguir convencer os servidores e sindicatos que já tiveram paciência suficiente para aguardar os “acertos do governo” que nunca acontecem.

Segundo o governo, os gastos com pessoal em relação à receita corrente líquida subiu de 47,08% para 47,49%, e o GDF ainda continua acima do limite prudencial da LRF (Lei de Responsabilidade Fiscal), necessitando baixar esses números ao patamar de 46,55%, pois caso contrário a máquina não funciona sem poder fazer novos concursos, criar cargos e conceder novos reajustes, além de não conseguir nenhum financiamento de bancos e do governo federal.

Duas alternativas foram ventiladas pela equipe econômica do governo: Uma seria o aumento do Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbano (IPTU) e a outra o lançamento de um novo Programa de Recuperação Fiscal. Ou seja, a conta vai sobrar novamente nas costas da população e dos servidores.

Alívio que vem do governo federal

A possibilidade do governo federal não conceder os aumentos a diversas carreiras de servidores públicos federais, entre eles a Polícia Federal, pode trazer um alento ao governador Rollemberg. Isso porque a briga entre os órgãos de segurança pública do DF, que exigem a paridade nos reajustes que pode ser concedido aos federais, está acirradíssima.

A Polícia Civil está na Operação “Polícia Legal” e nas redes sociais tanto a Polícia Militar como o Corpo de Bombeiros não descartam uma nova versão da temida “Operação Tartaruga”. Mesmo havendo a garantia do governador de que caso haja a possibilidade de algum reajuste eles seriam igualitários a todos os órgãos da segurança, a descrença é muito grande no meio policial.

Promoções de dezembro sob risco

Na Polícia Militar outras duas questões tem tirado o sono do Comandante Geral, coronel Nunes, apesar da cautela nas informações que primam a pessoa do comandante. O Primeiro se refere a questão da Saúde dos policiais e dependentes que se arrasta desde o governo Agnelo Queiroz. A dívida com hospitais particulares que atendiam a corporação acabaram por suspender, definitivamente, o atendimento no Hospital Santa Helena (Asa Norte). Existe uma possibilidade de um novo convênio com o Hospital Pronto Norte ser assinado nos próximos dias A segunda está relacionada à redução dos interstícios (tempo que o policial permanece no posto ou Graduação) e Cursos do CHOAEM e CFO para as promoções de dezembro próximo. Segundo apurado pelo blog, os cursos esse ano podem não acontecer já que o governo não autorizou as realizações. O certo é que para o ano que vem existe a estimativa da realização de certame para a contratação de 2 mil policiais, sendo que possivelmente os primeiros 500 deverão concluir o curso até dezembro, conforme reunião  realizada essa semana com o comandante geral, coronel Nunes.

Com a crise econômica que, ainda, assola o GDF e as fortes declarações do secretário de Fazenda de que não há recursos, as possibilidades de não haver contemplação aos policiais militares é grande, mesmo os recursos sendo oriundos do governo federal através do Fundo Constitucional. Como o Tribunal de Contas da União (TCU) decidiu que os recursos do FCDF voltarão à gestão do governo federal, isso já prevalece a partir de setembro agora e as suspeitas de má utilização desses recursos por parte do GDF, caso esteja acontecendo, deixará o governo de Rollemberg em maus lençóis. Segundo suspeitas, até salários de servidores aposentados da saúde estavam sendo pagos com recursos do Fundo, o que é totalmente proibido pela Lei 10.633/02. O TCU investiga.

assembleia-pcdf-1Policiais Civis radicalizam a cada dia

Apesar das informações do governo federal não serem oficiais em relação aos reajustes, a Polícia Civil ainda acredita no bom senso e torcem para que tudo se resolva. Manter a paridade é uma questão crucial para os policiais civis. Isso já ocorre a décadas e a não concessão agora seria um retrocesso. Três propostas já foram oferecidas aos policiais, mas todas rejeitadas.

Enquanto o imbróglio não se resolve, a cada assembleia dos policiais uma nova ação é definida. Depois da entrega dos cargos de confiança, o fechamento de delegacias e o enterro simbólico da segurança pública do DF, a mais nova reivindicação dos policiais através de seus sindicatos (delegados e Agentes) foi a exigência da demissão da secretária de Segurança, Márcia de Alencar, e a extinção da Casa Militar, chefiada pelo coronel Cláudio Ribas, da Polícia Militar.

O mês de outubro será de muitas definições. O que se espera é que o governador resolva esses problemas e busque uma solução onde todos sejam beneficiados, porque, como sempre, quem sofre as consequências dos movimentos é a população.

É aguardar para ver os resultados.

Da redação,

Por Poliglota…

CRE de Ceilândia descarta o remanejamento de alunos para 2017

29965492425_08cd206e2f_z

Por Anna Cléa Maduro

O deputado Prof. Reginaldo Veras (PDT) intermediou, na tarde de ontem (26), um debate entre a comunidade escolar, a Coordenação Regional de Ensino de Ceilândia, a Subsecretaria de Planejamento, Acompanhamento e Avaliação Educacional (SUPLAV) e o Sindicato dos Professores (Sinpro). A pauta da reunião pública girou em torno da proposta de mudança em seis Escolas Classes da região, que passariam a oferecer exclusivamente a Educação Infantil.

Veras relembrou que exerceu unicamente o papel de intermediador nesse processo. “Com essa reunião, muitas mentiras foram desconstruídas. Abri esse espaço democrático para que a Secretaria de Educação dialogasse com a comunidade escolar, mas eu pessoalmente não me posicionei e não interfiro em nenhuma decisão por ser responsabilidade do Executivo”, destacou.

Nota – Após a reunião, o Coordenador Regional de Ensino de Ceilândia, Marcos Sousa, enviou uma nota aos diretores, professores e pais descartando o remanejamento dos alunos das Escolas Classes da região. Em um dos trechos ele enfatiza que não haverá mudanças para o ano que vem […] após vários debates com a comunidade escolar, resolvemos manter o atendimento da Educação Infantil e dos anos iniciais do Ensino Fundamental nas Escolas Classe de Ceilândia em 2017”.

A sugestão de modificação na Estratégia de Matrícula, segundo Marcos, será retomada através de estudos mais aprofundados e rediscutida com os envolvidos. “Vamos garantir todos os aspectos previstos na legislação na perspectiva de uma gestão transparente e democrática”, disse. Para ele “é preciso garantir aos estudantes um bom rendimento na escola, evitando que as equipes gestoras precisem trabalhar com dois segmentos”, destacou o Coordenador Regional de Ensino.

O Subsecretário de Planejamento, Acompanhamento e Avaliação Educacional, Fábio Sousa, explicou que várias unidades de Ceilândia trabalham com séries iniciais e básicas no mesmo espaço físico, então seria interessante especializar o atendimento. “Nosso olhar é pedagógico e o objetivo é separar os níveis de ensino para que a administração e a infraestrutura das escolas sejam adequadas às faixas etárias”, explicou.